Morde e Assopra: Luiz Caetano critica e abençoa Ademar Delgado


Em entrevista à repórter Cíntia Kelly, o deputado federal e ex-prefeito de Camaçari, Luiz Caetano, falou de assuntos polêmicos relacionados à sua trajetória política e ao contexto político brasileiro atual. Ele, que chefiou o Município da Região Metropolitana de Salvador, por três vezes, está de relações cortadas com o seu sucessor – e cria –, o prefeito Adelmar Delgado. Caetano atribuiu o rompimento com a desencontros e discordâncias, criticou o atual gestor, mas, no estilo “morde e assopra” quer que “Deus o proteja”.

 

Sobre as eleições de 2016, Caetano se esquivou quanto ao lançamento de seu nome como candidato, “apesar de manter uma agenda de diálogo com a sociedade camaçariense”. O deputado federal também comentou a Operação Lava Jato, na qual o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, é investigado.

 

O ex-prefeito de Camaçari defende as investigações relacionadas ao seu par na Casa Legislativa. Em relação ao governo federal, Caetano acredita que o segundo semestre de 2015 será mais favorável à presidente Dilma Rousseff que, prevê ele, conseguirá criar as condições ideais para o país começar a sair das crises política e econômica.

 

ASSISTA